Como é feita a ligadura de trompas?

Como é feita a ligadura de trompas?

O que é a laqueadura?
Laqueadura também chamada de ligadura de trompas, laqueadura tubária, ligadura tubária é um método de esterilização definitiva por meio de cirurgia. As trompas de falópio são amarradas ou cortadas para impedir que óvulo e espermatozoides se encontrem, evitando desta forma, a gravidez - veja a ilustração. Além dos benefícios de ser um método eficaz e permanente, estudos comprovam que a ligadura de trompas reduz o risco de doenças inflamatórias pélvicas e protege a mulher contra o câncer de ovário.

Como é feita a cirurgia da ligadura das trompas?
São diferentes métodos utilizados para laqueadura. No tradicional, o cirurgião corta as duas trompas e também amarra para impedir a chegada do óvulo no útero. Pode também cortá-las e cauteriza-las. A laqueadura pode ser feita imediatamente pós-parto ou mesmo em mulheres que optaram pelo procedimento fora do período do parto. Existem três vias de acesso:

Método tradicional: é feita pelo abdome da paciente, com um corte um pouco menor do que a cesárea.

Videolaparoscopia: o médico faz uma pequena incisão no umbigo da paciente para inserir um instrumento fino e longo acoplado a uma lente, que permite que a cirurgia seja feita por meio da visualização por uma câmara de vídeo. Entretanto, utilizar este método apenas para a cirurgia de laqueadura é um procedimento muito caro e desnecessário.

Cirurgia Minimamente Invasiva: esta técnica, além de não deixar cicatrizes, permite curta internação, rápida recuperação e baixo custo. Faz-se um pequeno corte no fundo da vagina, de mais ou menos 3 centímetros, esteriliza-se as trompas e fecha-se o corte. A paciente é muito beneficiada com este método já que ela interna-se no hospital de manhã, faz uma cirurgia de 15 minutos com anestesia raqui (igual do parto) e tem alta algumas horas depois, quando passa o efeito da anestesia. Em poucos dias, ela volta sem dor para suas atividades normais, só não sendo permitido tomar banho de mar, piscina e nem ter relações sexuais no período de 40 dias.

Não se pode esquecer também que apesar da laqueadura evitar a gravidez, não previne doenças sexualmente transmissíveis e, portanto, o preservativo deve continuar sendo usado.

Conteúdo do livro Medicina Mitos e Verdades (Carla Leonel). Capítulo de Ginecologia. Médico responsável Prof. Dr. Thomaz Gollop.

Palavras em azul são links que te direcionam ao assunto em questão. Clique para ler. Matérias relacionadas:
Gravidez nas trompas
Ovários e trompas: quando é necessária a remoção
Cirurgia para remoção do útero
Gravidez após a laqueadura
Por que a menstruação se torna mais intensa após a laqueadura?

Informações completas sobre este assunto você encontra no livro Medicina, Mitos & Verdades (Carla Leonel) 8ª edição - Editora CIP. Compre agora clicando aqui. Frete Grátis para todo Brasil. Mais de 5 mil assuntos | 800 páginas | 22 Especialidades médicas.