As verminoses são doenças que acometem crianças e adultos e que se instalam no organismo, normalmente, nos intestinos, mas podem alojar-se também em órgãos, como o fígado, pulmões e cérebro. Os principais vermes ou parasitas intestinais são: giardia lamblia, entamoeba histolytica (ameba), taenia solium (solitária), taenia saginata, schistossoma mansoni, áscaris lumbricóides (lombriga), enterobius vermiculares, strongylóides stercolaris, ancilostoma duodenalis (amarelão), necator americanus e trichiuris trichiura.

Apesar das verminoses acometer indivíduos de todas as classes sociais, independente de residirem na zona rural ou urbana, infelizmente, as parasitoses intestinais ainda representam problema de saúde pública e precisam ser tratadas com seriedade. Principalmente nos países pobres, as condições sanitárias são precárias e a promiscuidade social é grande, causando grande aumento de doenças e da mortalidade principalmente na infância, além de contribuírem para o avanço da desnutrição, com graves consequências, algumas até mesmo irreversíveis. Os casos de verminoses em pessoas bem-nutridas, com diagnóstico e tratamento adequados, evoluem muito bem e não oferecem perigo de vida.

Os principais sintomas e sinais de que um parasita está hospedado no organismo são:
• Cólicas abdominais;
• Enjoos;
• Alterações intestinais com diarreia frequente ou crônica;
• Vômitos periódicos;
• Falta de apetite;
• Falta de disposição;
• Anemia;
• Fraqueza;
• Emagrecimento;
• Coceira anal. 

Evitar os vermes é uma questão de educação sanitária, além de tratar os portadores. As pessoas devem estar com as mãos sempre limpas, de unhas aparadas e crianças devem evitar o hábito de chupar os dedos. Lavar as mãos, antes das refeições e sempre que usar o banheiro, é um hábito saudável que deve ser praticado.

A transmissão ocorre através da ingestão de água e alimentos contaminados ou através de pequenos ferimentos na pele. Veja medidas preventivas para evitar os parasitas:
• Os alimentos precisam ser bem-lavados antes do preparo e, principalmente, se forem consumidos crus. É importante estar atento à proteção contra insetos, como moscas e baratas;
• A água ingerida precisa ser filtrada ou fervida e a carne de porco deve ser consumida bem passada. Quanto a carne de boi, caso não se tenha a certeza da procedência, evitá-la comê-la mal passada;
• As crianças não devem brincar em terrenos baldios, com lixo ou água poluída e devem estar sempre calçadas;
• A desinfecção do solo peridomiciliar (local onde as crianças geralmente costumam brincar), assim como evitar adubar a terra com fezes humanas são cuidados importantes a serem observados.

Cada parasita tem seu foco de transmissão:
• A teníase é adquirida por ingestão de carne de boi crua, sendo importante a fiscalização dos matadouros clandestinos, com inspeção dos órgãos competentes antes do consumo da população;
Ancilostomíase (amarelão) e estrongiloidíase têm seu foco de contágio pelo contato de pés e mãos com a terra — atentar à educação sanitária e ao saneamento básico;
Cisticercose por ingestão de carne de porco malcozida;
• A esquistossomose pelo contato com água de rios, lagos e reservatórios de água em áreas endêmicas  — foco de irradiação do caramujo.

O diagnóstico é feito por meio de exame de fezes e, dependendo da gravidade, pede-se exame de sangue complementar. O tratamento é medicamentoso e existe no mercado vermífugos que agem contra diversos tipos de vermes ao mesmo tempo. 

Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial deste artigo sem citar a fonte com o link.

SUAS DÚVIDAS NO CONSULTÓRIO MÉDICO
Livro Medicina, Mitos e Verdades (Carla Leonel): capa dura, 800 páginas, perguntas e respostas em 22 especialidades médicas com os mais bem conceituados nomes da Medicina no Brasil. Best-Seller: mais de 300 mil cópias vendidas.
• PROMOÇÃO: Compre um e leve dois. Por apenas R$ 99,00 você recebe 2 livros iguais. Pagamento facilitado em até 10 X R$ 9,90 sem juros no cartão de crédito. O frete é por nossa conta. Válido apenas no Brasil e em um único endereço escolhido por você. Não perca esta oportunidade.
Clique neste link COMPRAR e saiba mais. A informação ajuda no diagnóstico precoce e pode salvar vidas.