O que são doenças infecciosas?
Doenças infecciosas são aquelas causadas por diferentes agentes, representados por vírus, bactérias, fungos, protozoários e até mesmo vermes. Anteriormente chamava-se de infecção tudo que fosse determinado por microorganismos formados por uma única célula. Ao que fosse causado por metazoários, agentes mais complexos como vermes e artrópodes, por exemplo, chamava-se infestação. Atualmente, por influência da língua inglesa, tudo é infecção, exceto as infestações  causadas por ectoparasitas (parasitas que estão fora do corpo, como o piolho).

Como são contraídas as doenças infecciosas?
A maneira de transmissão é muito variada. Os exemplos importantes são:

Contato direto: é a transmissão direta por secreções corpóreas, como nasais e bucais. Acontece com a gripe, o resfriado e a doença meningocócica;

Transmissão por objetos: dá-se por utilização de toalhas, utensílios usados na alimentação ou por vasos sanitários. Tecnicamente se diz transmissão por fomento;

Relacionamento sexual: a relação sexual é a mais importante forma de transmissão de doenças. Atualmente está em evidência a infecção pelo HIV, causa da AIDS. Outros  exemplos são a sífilis, gonorreia, herpes, papilomavírus (HPV) e alguns vírus da hepatite;

Transmissão por vetores: vetor é o veículo de uma transmissão, como por exemplo, um mosquito que possibilita determinadas doenças. É o caso da dengue, transmitida pelo Aedis egyptus, e da doença de Chagas, conduzida pelo barbeiro.  A doença de Chagas é uma doença crônica e pode atacar o coração, o esôfago e o intestino tornando-os dilatados (aumentados de tamanho). Como consequência, o indivíduo pode ter problemas cardíacos, dificuldade para engolir os alimentos, principalmente os sólidos, e sofrer de obstrução intestinal (intestino preso), podendo ficar, até mesmo, semanas sem evacuar;

Transmissão por hospedeiro intermediário: este tipo de transmissão precisa de um hospedeiro intermediário. É o caso da esquistossomose, provocada pelo Schistosoma. É necessária a participação de um caramujo presente na água, que faz parte do ciclo da transmissão pois "hospeda" o Schistosoma;

Transfusão de sangue: o sangue contaminado por sífilis, malária, doença de Chagas, hepatites virais e o vírus  HIV, por exemplo, transmite estas doenças;

Transmissão de mãe para filho: mulheres com determinadas infecções podem transmiti-la para seus filhos durante a gravidez, parto e aleitamento. Exemplos de infecções: citomegalovírus, toxoplasmose, hepatite B, entre outras.

Transmissão pelas fezes: várias doenças infecciosas são transmitidas pelas fezes que contaminam, sobretudo, a água e os alimentos como, por exemplo, as verduras e as frutas. Também podem ser transmitidas pelo indivíduo que prepara o alimento, caso ele tenha o agente da doença nas mãos, tais como, salmonelose, hepatite A etc.

Todas as doenças infecciosas são contagiosas? Qual a diferença entre doença transmissível e doença contagiosas?
Existe uma diferença entre doença transmissível e a doença contagiosa. A doença transmissível nem sempre é contagiosa. Podemos dizer, por exemplo, a doença de Chagas, a malária e a dengue, que necessitam de um intermediário, como o mosquito, para levar a doença para outro indivíduo. Elas são transmissíveis, mas não são contagiosas.

E o que é doença contagiosa? Quais são os focos de contágio?
Doença contagiosa é aquela que tem transmissão fácil, em geral, pelo contato pessoa-a-pessoa, como se dá com a gripe, o resfriado, a difteria, a varicela (catapora), a tosse comprida (coqueluche) e a doença meningocócica (meningite). Nesses casos, o agente infeccioso é eliminado com muita facilidade por gotículas que saem do nariz ou da garganta.  Mas é um mito dizer que apenas através de um aperto de mão se contrai uma infecção. Entretanto, na fase aguda da doença contagiosa, o paciente precisa ser isolado como meio de prevenir a transmissão pois, conforme já explicado, o agente infeccioso é eliminado com muita facilidade por gotículas que saem do nariz ou da garganta. Por isso é importante sempre lavar as mãos quando se está em contato com algum doente como forma de evitar que essas gotículas sejam levadas a boca.

As infecções transmitidas por fezes são igualmente consideradas contagiosas porque contaminam a água e os alimentos. Podemos afirmar que a maioria das doenças infecciosas são potencialmente contagiosas.

Quais são as doenças consideradas contagiosas?
Dentro do quadro de doenças contagiosas, podemos citar:
• Infecções bacterianas: como a meningite meningocócica e a febre tifoide;
• Doenças virais: como a gripe e as hepatites;
• Doenças parasitárias: como a doença de Chagas e a toxoplasmose;
• Infestações por ectoparasitas: como a escabiose (sarna).

Todas as doenças infecciosas são perigosas? Quais delas oferecem risco de morte?
Não se pode dizer que todas as doenças infecciosas matam. A gravidade delas depende dos agentes causadores e das condições da pessoa agredida. Existem as afecções benignas, as de gravidade moderada e algumas que são realmente graves.  Dos exemplos mais atuais, podemos citar o caso do vírus Ebola: todo o mundo teme a infecção pelo vírus Ebola porque ele mata cerca de 75% das pessoas contaminadas. Essa pode ser considerada uma doença infecciosa das mais graves, que ainda não chegou ao Brasil. Também existe a AIDS, doença que, pelos conhecimentos atuais, se não tratada adequadamente pode matar.

Veja outros exemplos:
Dengue hemorrágico: nem sempre é fatal, mas por ser hemorrágico é uma forma grave da doença.
Tétano: é outra doença considerada muito grave, cujo tratamento é bem-sucedido somente se for muito bem conduzido. Sem dúvida alguma, seria conveniente que todas as pessoas se vacinassem.
Meningite: A meningite epidêmica, quando as condições de atendimento são boas, não mata mais que 5% dos atingidos. Outras meningites bacterianas como meningococo e pneumococo podem matar em 15 a 30% dos casos.
Hepatite B e C: transmitidas por vírus, deixam muitas sequelas, como hepatite crônica, cirrose e câncer de fígado. Na fase aguda, tem baixo índice de mortalidade.
• Catapora ou varicela: na maioria das crianças é uma doença leve, que não mata. Ela se torna grave quando a pessoa tem uma deficiência de imunidade como, por exemplo, uma criança com leucemia que está tomando remédios, ou uma pessoa imunodeprimida como uma portadora de AIDS/HIV, ou sob terapia imunossupressora como a quimioterapia.
• Catapora ou varicela hemorrágica: é muito rara e, quando ocorre, já se manifesta de forma hemorrágica. São casos graves e difíceis de salvar.

Quais as doenças infecciosas que, contraídas durante a gestação, causam problemas ao feto? Quais as possíveis sequelas?
Entre as várias doenças, as mais comentadas são rubéola, toxoplasmose, sífilis, infecção pelo citomegalovírus, HIV e herpes. Existem também outras afecções menos relacionadas a problemas para o feto, mas que são igualmente problemáticas caso sejam contraídas durante o período gestacional. É o caso da hepatite viral B e C, e, mais raramente, a catapora. É importante dizer que, em algumas doenças, a contaminação do feto só ocorre dependendo do período gestacional que ela seja contraída. Outras doenças, independente da época, trazem problemas ao feto.

Palavras em azul são links que te direcionam ao assunto em questão. Clique para ler.

Conteúdo do livro Medicina Mitos e Verdades (Carla Leonel). Capítulo de infectologia. Médico responsável: Prof. Dr. Vicente Amato Neto (Prof. Titular Emérito do Departamento de Doenças Infecciosas da Faculdade de Medicina – USP) e Dra. Rosana Richtmann ( Médica Infectologista do Instituto de Infectologia Emilio Ribas – SP; Presidente da CCIH do Hospital e Maternidade Santa Joana e Pro Matre Paulista; Presidente da Sociedade Paulista de Infectologia). Proibida reprodução total ou parcial sem citar a fonte.

Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial deste artigo sem citar a fonte com o link.

SUAS DÚVIDAS NO CONSULTÓRIO MÉDICO
Livro Medicina, Mitos e Verdades (Carla Leonel): capa dura, 800 páginas, perguntas e respostas em 22 especialidades médicas com os mais bem conceituados nomes da Medicina no Brasil. Best-Seller: mais de 300 mil cópias vendidas.
• PROMOÇÃO: Compre um e leve dois. Por apenas R$ 99,00 você recebe 2 livros iguais. Pagamento facilitado em até 10 X R$ 9,90 sem juros no cartão de crédito. O frete é por nossa conta. Válido apenas no Brasil e em um único endereço escolhido por você. Não perca esta oportunidade.
Clique neste link COMPRAR e saiba mais. A informação ajuda no diagnóstico precoce e pode salvar vidas.