Os problemas que atingem o coração podem se manifestar de várias formas, como falta de ar, dor no peito ou palpitações. Entretanto, muitas vezes, as doenças que atingem o coração podem não apresentar sintomas por um longo período. Por isso, as avaliações cardiológicas periódicas são necessárias.

O cardiologista Prof. Dr. Bernardino Tranchesi Jr., autor do capítulo de cardiologia do livro Medicina Mitos e Verdades (Carla Leonel), aconselha uma avaliação anual, a partir dos 30 anos de idade, para quem não tem sintomas nem fatores de risco, inclusive as mulheres (clique no link e leia artigo: sintoma do infarto pode ser diferente nas mulheres) . Dependendo da idade, do sexo e dos fatores de riscos, esse intervalo deve ser revisto. Quando necessários exames complementares, o seu médico deverá solicitar. Saiba para que serve cada um deles:

O eletrocardiograma de repouso é um exame que serve para detectar problemas antigos ou crônicos, como, por exemplo, infartos prévios ou sobrecarga do coração pela hipertensão, ou o infarto no momento em que ele se instala. Portanto, o resultado normal de um ECG de repouso não garante a inexistência de problemas cardíacos.

Já o teste ergométrico, a cintilografia do miocárdio, o ecocardiograma, a angiocoronariotomografia e a cinecoronariografia são exames que permitem detectar problemas atuais e/ou futuros do coração.

O teste ergométrico é o registro da atividade elétrica do coração durante o esforço físico. Ele avalia também o comportamento da pressão arterial e fornece ao médico informações importantes sobre o sistema cardiovascular reproduzindo o que acontece com o coração durante as suas atividades diárias. Detecta arritmias desencadeadas pelo esforço físico, anormalidades da pressão arterial, além de medir a capacidade funcional cardiorrespiratória. É importante também no pré-operatório pois sinaliza ao médico o comportamento do coração quando submetido ao estresse de uma cirurgia. O exame é realizado com o paciente se exercitando na esteira ou bicicleta ergométrica monitorado por eletrodos no tórax, ombro e abdome. O traçado eletrocardiográfico é analisado no final do exame.
Clique no link e leia matérias relacionadas:
Sintomas da pressão alta
Infarto durante o exercício físico
Sequelas da hipertensão

Ecocardiograma é um exame ultrassonográfico bidimensional (atualmente é tridimensional) que, em repouso, permite uma avaliação das cavidades e função cardíaca, assim como o funcionamento das válvulas cardíacas e o fluxo sanguíneo. É possível observar a estrutura do coração e pesquisar doenças congênitas ou adquiridas durante a vida.  Existe também o ecocardiograma de estresse que, como o nome já diz, é realizado para avaliar a função cardíaca global e regional do coração ao esforço físico ou farmacológico.

Já o ecocardiograma transesofágico é realizado através da introdução do transdutor de ultrassom inserido no esôfago do paciente, sob sedação, para uma melhor visualização do coração, principalmente, nos casos de suspeitas de trombos (coágulos) intracavitários ou no diagnóstico de endocardite bacteriana.

Ultrassonografia com Doppler
Produz além de imagens coloridas, sons que avaliam o fluxo sanguíneo das artérias e veias de várias partes do corpo tais como pernas, braços e pescoço. Detecta estreitamento ou entupimento das artérias como a aterosclerose (depósito de gordura, cálcio e outros elementos nas paredes das artérias), aneurisma e AVC.
Clique no link e leia matérias relacionadas:
Aterosclerose
Sintomas do Infarto

Holter 24 horas
São colocados eletrodos no tórax do paciente conectados a um aparelho, tipo um pequeno gravador. Durante 24 horas o exame registra as correntes elétricas do músculo cardíaco (tal como um eletrocardiograma contínuo) permitindo o diagnóstico de arritmias e uma série de condições cardíacas nas atividades cotidianas do paciente, inclusive durante o sono. O paciente deverá anotar em um papel toda sua rotina enquanto estiver monitorado para que o médico possa, após o exame, verificar em que condições ocorreram as alterações dos batimentos cardíacos.
Clique no link e leia matérias relacionadas:
Arritmia pode surgir na infância  
Como prevenir as arritmias cardíacas e a morte súbita

A tomografia coronária ou angiocoronariotomografia são sinônimos e é um exame em que se utiliza contraste iodado intravenoso e se consegue obter imagens da árvore coronariana e possíveis obstruções nessas artérias.
Detecta anormalidades nas estruturas dos vasos sanguíneos, tumores, coágulos além de analisar doenças da artéria aorta e do pericárdio (membrana que envolve o músculo do coração).

Cintilografia do miocárdio visa analisar as alterações da perfusão (irrigação) do músculo cardíaco em repouso ou sob estresse físico ou farmacológico e, em alguns casos, detectar agressões ao miocárdio, como, por exemplo, a miocardite ou a rejeição pós-transplante. É utilizado pequena quantidade de substâncias radioativas introduzida na veia que auxiliam em produzir as imagens do coração. Este exame ajuda na investigação das causas da angina, dores torácicas ou prejuízos ao coração pelo infarto.
Clique no link e leia matérias relacionadas:
Angina
Causas de dores torácicas

O cateterismo cardíaco também conhecido como cinecoronariografia ou angiografia é um exame invasivo no qual se obtém as curvas de pressão intracavitárias (ou seja, como estão as pressões dentro das cavidades do coração). É introduzido um cateter (tubo maleável) através de uma artéria (normalmente na região da virilha) até o coração para verificar se existe obstrução, a existência de placas de gordura ou qualquer outra anormalidade na região. O cateter serve como um canal para administração de contraste iodado, que é o que permite visualizar as alterações.

O cardiologista Prof. Dr. Bernardino Tranchesi Jr. esclarece que a realização de exames invasivos em pacientes estáveis, desde que executados em serviço com larga experiência, possui um risco baixíssimo de morbidade e ainda mais baixo de mortalidade.

Para pacientes que não são diagnosticados com doenças cardíacas e tem desmaios recorrentes é possível fazer um diagnóstico por meio do Tilt Test. Este exame mede o ritmo e a frequência do coração verificando a variação da pressão arterial a partir da inclinação da postura do corpo. Desta forma é possível avaliar a capacidade do coração bombear o sangue em diferentes posições.
Clique no link e leia matérias relacionadas:
Os fatores de risco para as doenças cardíacas: a influência no grau de parentesco e a maior incidência de doenças no coração
Causas do desmaio

Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial deste artigo sem citar a fonte com o link ativo.

SUAS DÚVIDAS NO CONSULTÓRIO MÉDICO
Livro Medicina, Mitos e Verdades (Carla Leonel): capa dura, 800 páginas, perguntas e respostas em 22 especialidades médicas com os mais bem conceituados nomes da Medicina no Brasil. Best-Seller: mais de 300 mil cópias vendidas.
• PROMOÇÃO: Compre um e leve dois. Por apenas R$ 99,00 você recebe 2 livros iguais. Pagamento facilitado em até 10 X R$ 9,90 sem juros no cartão de crédito. O frete é por nossa conta. Válido apenas no Brasil e em um único endereço escolhido por você. Não perca esta oportunidade.
Clique neste link COMPRAR e saiba mais. A informação ajuda no diagnóstico precoce e pode salvar vidas.